Blog Quero me Formar — Organização & Finanças: Guia Rápido: Como Estudar Sozinha Durante o Período de Pandemia

18 de julho de 2020

Guia Rápido: Como Estudar Sozinha Durante o Período de Pandemia

Aulas à distância são o "novo normal" para os estudantes durante a pandemia, o que não agrada muita gente pois não é nada fácil manter o foco e produtividade estudando sozinha.
Para ajudar nisso, o artigo de hoje traz dicas eficientes para você conseguir estudar sozinha durante esse período de pandemia.

Flatlay escritório notebook, celular e câmera

No mês de março uma pandemia mundial foi decretada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e, desde então,  muitas coisas vêm sendo remodeladas, principalmente o ensino.

Desde apostilas à aulas online, os alunos estão tendo que "se virar" para se adaptar à nova rotina de aulas online, trabalhos, exercícios e, na maioria das vezes, sem muito suporte dos professores.

Além disso, para a maioria das pessoas, se manter focada durante as aulas online, assim como ter disciplina para estudar sozinha são grandes obstáculos dessa modalidade.

Nesse cenário de pandemia, em que a maioria das pessoas da família estão em casa, pode ser ainda mais difícil conseguir se concentrar para estudar, não ser interrompida durante as aulas ou manter uma rotina de estudos.

Em resumo, não está nada fácil! Mas não custa nada tentarmos contornar todos os obstáculos, certo?


Guia Rápido: Como Estudar Sozinha Durante a Quarentena


Confira 5 dicas que podem ajudar você a ter mais foco e produtividade ao estudar sozinha durante esse período:


1º Organize os seus compromissos


Antes de mais nada, é essencial que você analise todas as suas demandas e tenha ciência de tudo o que você precisa conciliar com os estudos.

É como se estivesse fazendo um diagnóstico da sua situação atual.

Isso é importante para que você não perca o foco do que é necessário fazer e possa se programar  para concluir todas as suas tarefas com antecedência.

Colha informações quanto às datas das atividades (provas, trabalhos, aulas gravadas e ao vivo) que estão planejadas e anote todos esses compromissos.

Anote também outras tarefas que podem comprometer o seu tempo de estudo, como ajudar em casa, ir ao supermercado, consultas médicas e etc.


2º Faça um planejamento diário ou semanal


Você pode fazer um planejamento da forma como achar melhor e mais adequado à sua realidade, entretanto, recomendo muito que esse planejamento realmente seja feito.

Estudando sozinha durante a quarentena, você pode se tornar refém de inúmeras distrações e provavelmente terá menos contato com colegas de turma que, porventura, poderiam te avisar de alguma tarefa que precise ser entregue ou prova que está se aproximando.

Fazendo o seu planejamento você tem algumas vantagens, como: ter mais controle da sua rotina, evitar a procrastinação, não se esquecer de nenhuma tarefa e aumento da produtividade.

Assim é muito mais provável que você consiga conciliar os estudos com as suas outras demandas.

Esse planejamento pode ser feito de várias formas. Veja duas ideias:

  • 2.1 Distribuindo as tarefas anotadas
Você pode analisar todas as datas e compromissos que foram levantadas no passo 1 e ir distribuindo isso previamente durante os dias da semana, de acordo com os seus horários disponíveis.


  • 2.2 Estilo brainstorm
Algumas pessoas podem não funcionar utilizando um planejamento e até considerá-lo algo engessado.

Sendo assim, também é uma opção simplesmente manter uma lista de afazeres e ir cumprindo as tarefas da lista ao longo do dia, mês ou semana, sem nenhuma ordem específica.


De qualquer forma, o importante é que você tenha em mãos quais são as suas tarefas para não se esquecer de nada e que o seu planejamento seja possível de ser cumprido.

E não se esqueça de que durante a pandemia é ainda mais imprescindível concluir suas tarefas com antecedência, visto que inúmeros imprevistos podem surgir e serem difíceis de resolver por conta do contexto em que vivemos.

Exemplos: queda da internet; problemas com o celular, notebook, computador ou outro dispositivo utilizado para estudar; imprevistos em casa que te tomem tempo; pagamento da internet atrasado; problemas com programas utilizados para estudar; enfim....

O melhor  é realmente entregar tudo com muita antecedência para que nada te atrapalhe de cumprir todos os prazos.


+ Para encontrar planners de estudos e calendários gratuitos do blog, clique aqui!


3º Estabeleça uma rotina


Se a sua rotina incluir horários mais previsíveis, estabelecer uma rotina de estudos é fundamental.

Ela ajudará você a ter mais foco e se adaptar mais rapidamente à essa nova forma de estudar, além de também ajudar às outras pessoas na sua casa a compreenderem que você tem compromissos e precisa dedicar um tempo da sua rotina à eles.

Mesmo que você prefira não fazer um planejamento, procure estabelecer horários que serão dedicados exclusivamente aos estudos.

Defina quais serão os horários em que você irá:
  • assistir as aulas gravadas;
  • revisar e aprofundar os conteúdos abordados em aula;
  • fazer as atividades propostas;
  • tirar suas dúvidas.

A partir disso, você poderá alocar as suas outras tarefas nos horários em que ficarem disponíveis e "negociar" com a sua família ou outras pessoas da sua casa para que você não seja interrompida nesses momentos.

Uma dica importantíssima também é estabelecer os seus horários ou períodos do dia de maior produtividade para que você consiga ser mais produtiva quando parar para estudar.

Se você normalmente tem mais foco e disposição pela manhã, por exemplo, esse seria o melhor horário para estudar em casa.


4º Escolha um ambiente de estudos adequado


Para a maioria das pessoas, estudar em qualquer lugar não funciona.

Para evitar distrações ou mesmo coisas que atrapalhem a sua concentração, o ideal é escolher ambientes mais silenciosos, com boa iluminação e acomodar-se com uma postura adequada:

  1. Procure ter uma cadeira ajustável, na qual você possa manter os pés apoiados no chão. Caso não seja possível, utilize algum objeto (caixas, livros) para apoiar os pés;
  2. Mantenha tronco encostado na cadeira;
  3. Os cotovelos devem estar apoiados sobre a mesa num ângulo reto;
  4. O teclado e monitor devem ficar em frente ao estudante. A altura do monitor deve estar alinhada à altura dos olhos;
  5. A distância entre o estudante e o monitor deve ser mais ou menos igual a um braço de distância.
Fonte: Uol.

Se necessário, também elimine objetos que possam distraí-la e fique longe do celular, TV, videogame e dispositivos desse tipo.

Por fim, mantenha o seu ambiente de estudos sempre limpo e organizado para que você não fique perdendo tempo de estudos para arrumar as bagunças do seu espaço.


5º Se necessário, faça pausas


Algumas pessoas conseguem se manter concentradas em tarefas mais longas enquanto outras só conseguem se manter concentradas por pouco tempo.

Tente analisar em qual desses dois perfis você se enquadra e identificar por quanto tempo você consegue se manter focada.

O autoconhecimento é necessário para que você possa definir após quanto tempo de estudos será a sua pausa.

Algumas pessoas utilizam a técnica Pomodoro, cujo ciclo de trabalho é de 25 minutos com 5 de intervalo. Para mim, um ciclo 25 minutos é muito curto mas, para algumas pessoas, ele pode ser até muito.

Para que essas pausas funcionem e até aumentem a sua produtividade, é necessário que você conheça melhor o seu nível de concentração e foco.


6º Anote tudo durante as aulas


Principalmente se você tem dificuldades de focar em aulas EAD e também de memorizar conteúdo, tenha caderno e caneta sempre ao seu lado para anotar tudo durante as aulas.

Isso pode ajudar você a memorizar melhor o conteúdo (algumas pessoas gravam melhor o que ouvem quando escrevem), além de servir como material para consulta na hora de estudar e ajudar você a se manter focado durante a aula.


7º Mantenha o equilíbrio


O equilíbrio é essencial para qualquer estudante, estudando sozinha durante a pandemia ou quando as coisas estiverem "normais".

Enquanto algumas pessoas estão "empurrando com a barriga", outras estão preocupadas e ansiosas com todos os compromissos e tarefas.

Não se pode esquecer de que o estudo deve ser levado a sério, independente se você está no ensino fundamental, médio, graduação ou outra escolaridade.

Isso porque, mesmo que você não goste ou pense que não precisará disso na sua vida (principalmente quando se está no ensino fundamental ou médio), a verdade é que se você se comprometeu a fazer isso, se dedicar vai te tomar muito menos tempo.

Ter que fazer provas de recuperação, repetir o ano letivo ou apenas deixar tudo para a última hora dá bem mais trabalho do que fazer tudo com calma, entregar em dia e "passar direto".

Contudo, também não é necessário se pressionar demais.

Com um pouco de planejamento e organização, mesmo tendo uma rotina corrida, é possível manter suas tarefas em dia, ter tempo para estudar, tirar as dúvidas e ainda descansar

Se planejar também ajuda a controlar a ansiedade, visto que assim você consegue visualizar que terá tempo de fazer tudo o que é necessário e em tempo hábil.

Por fim, fazer pausas e se recompensar pelo seu progresso também ajudam a manter o equilíbrio, tanto para quem não é muito fã de estudar como para quem sofre um pouco com a ansiedade.


+ Dicas extras


Para fixar melhor os conteúdos, uma metodologia que pode funcionar é gravar áudios para você mesma sobre os conteúdos.

Recomenda-se ensinar à outras pessoas para aprender melhor as matérias, contudo, a maioria dos alunos estão estudando sozinhos durante a pandemia e podem não se sentir seguros para ensinar às pessoas da sua casa.

Assim, uma alternativa pode ser enviar áudios para você mesma pelo Whatsapp, utilizar o próprio app gravador de áudio que vem no celular ou, caso você se sinta confortável, fazer uma chamada de vídeo com um(a) amigo(a) para isso.

Adicionalmente, para aprender ainda melhor os conteúdos e também garantir que você será bem avaliada na disciplina, seja participativa durante as aulas, nos fóruns de dúvidas, e-mails e outros espaços em que você tenha a liberdade de tirar dúvidas e interagir com os professores.


Considerações Finais

Para a maioria dos alunos, o formato de aulas EAD é um desafio e, diante do cenário atual, ficou ainda mais difícil estudar sozinha.

Durante a pandemia, com tantas pessoas em casa e notícias ruins surgindo a cada dia, manter o foco, concentração e equilíbrio não tem sido fácil.

Para ajudar nisso, o artigo de hoje contemplou um guia rápido de como estudar sozinha durante a quarentena:

  • organize os seus compromissos;
  • faça um planejamento;
  • estabeleça uma rotina;
  • escolha um ambiente de estudos adequado;
  • se necessário, faça pausas;
  • anote tudo durante as aulas;
  • mantenha o equilíbrio.

Adicionalmente, também é muito válido ensinar os conteúdos a outras pessoas ou gravar áudios para você mesma e ser participativa nas aulas.

Eu, particularmente, não sou muito fã de aulas remotas mas tenho seguido essas dicas para me adaptar. Me conta você: o que você acha de aulas à distância? Você consegue se manter focada?


+ Siga o blog nas redes sociais:
Pinterest/queromeformar



+ PINE A IMAGEM PARA NÃO ESQUECER!

Imagem para Pinterest Guia Rápido: Como Estudar Sozinha Durante o Período de Pandemia

2 comentários:

  1. Olá!

    De todas as dicas, gravar o áudio das aulas é o que mais funciona pra mim, até antes mesmo da pandemia, eu gravava com a devida permissão do professor (professor de federal é um pé no saco com essas coisas) e funcionava muito pra mim que já era adepto também do podcast desde 2012.

    Espero que acabe logo, mas se for pra se adaptar em um novo normal acho que vou me dar bem com estas dicas!

    abraços, Math.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo seu comentário! ;)

      Professor de federal é complicado mesmo, confesso que não tinha nem coragem de pedir aos meus para gravar hahaha

      Só gravei com os que falavam logo no início que era liberado e realmente ajudava bastante. Por mais que no início eu achava que nunca ia ouvir as gravações depois, arrumava um tempinho e valia muito a pena!

      Excluir

- Lembre-se de que todo e qualquer comentário é de inteira responsabilidade do autor.
- Não pratique spam!
- Deixe a opção "Notifique-me" marcada para que você receba uma notificação quando seu comentário for respondido.